notícias
covid-19

São Paulo, 16 de Agosto de 2021

Governo de SP vacina jovens no Dia da Esperança, que marca

término de imunização dos adultos

Enfermeira Mônica Calazans aplicou a vacina em quatro estudantes da rede estadual com nome Esperança;

mais de 91,2% dos adultos já foram vacinados em todo estado

51381071892_b082929526_c (1).jpg

Governador João Doria acompanha a vacinação no Dia da Esperança

O Governador João Doria acompanhou a vacinação contra a COVID-19 nesta segunda-feira (16), o Dia da Esperança, data que marca o encerramento da imunização de adultos em todo estado. De forma simbólica, quatro estudantes da rede estadual de ensino, com nome ou sobrenome Esperança, foram imunizadas pela enfermeira Mônica Calazans, primeira brasileira a ser vacinada no país. Dados parciais do Vacinômetro apontam que, nesta manhã, 91,23% dos adultos de todo estado já foram vacinados com pelo menos uma dose.

"Aqui vacinamos quatro jovens da rede pública de ensino, com o nome de Esperança. É a representação do respeito pela vida, pela existência, por todas as pessoas, independentemente da idade, e acima de tudo com esperança no coração", destacou o Governador.

Receberam a primeira dose da vacina as estudantes Esperança Maria Gomes Rodrigues, de 19 anos, e Esperança Aparecida de Jesus Martin Izidoro, de 18 anos, residentes das cidades de Mauá e Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. Ainda foram imunizadas Gabrielly Esperança dos Santos, de 18 anos, moradora de Campinas, e Eliane de Jesus Esperança, também com 18 anos e da cidade de Jacareí, região do Vale do Paraíba.

A imunização das quatro jovens marca o Dia da Esperança, data estipulada pelo Governo de SP para o fim do calendário de vacinação de adultos, com pelo menos uma dose, em todo estado.

Nesta segunda-feira, além da conclusão da vacinação de jovens, também ocorre o início da repescagem das demais faixas etárias. Portanto, qualquer cidadão com mais de 18 anos, que ainda não tenha sido imunizado, poderá procurar uma unidade de saúde para vacinação, de acordo com os calendários fixados pelos municípios.

Novas doses

A vacinação das quatro jovens e celebração do Dia da Esperança ocorreu durante a liberação de mais quatro milhões de doses da vacina do Butantan para o PNI (Programa Nacional de Imunizações) do Ministério da Saúde. Com o novo lote, SP chega à marca de 72,8 milhões de doses fornecidas ao governo federal para imunização de brasileiros em todo país.

A entrega faz parte da leva de vacinas fabricadas com o lote recorde de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) entregue pela farmacêutica chinesa Sinovac ao Butantan no dia 13 de julho. Foram 12 mil litros de matéria-prima usados para a fabricação dos imunizantes, que são liberados após seguirem as etapas de embalagem, rotulagem e testes para controle de qualidade.

As vacinas liberadas hoje fazem parte do segundo contrato firmado pelo IB com o Ministério da Saúde, de 54 milhões de vacinas. O primeiro, de 46 milhões, foi concluído em 12 de maio. No total, São Paulo vai entregar 100 milhões de doses ao Governo Federal.

Calendário

O Governo de SP dará sequência, nesta semana, ao calendário de vacinação, com aplicação das primeiras doses em adolescentes. A previsão é de que a partir de quarta-feira (18) seja iniciada a imunização de jovens com idade entre 12 e 17 anos, começando por aqueles com deficiência, comorbidades, gestantes e puérperas. Até a primeira quinzena de setembro, todo o público nessa faixa etária já deverá estar vacinado com pelo menos uma dose da vacina.

De acordo com os dados disponíveis na plataforma Vacina Já, nesta manhã, foram aplicadas 44.015.123 vacinas em todo estado, sendo 31.115 em primeira dose, 11.774.352 em segunda dose e 1.125.255 em dose única. Os números mostram que 69,65% da população geral já receberam pelo menos uma dose do imunizante e 27,87% já estão com o esquema vacinal completo, ou seja, tomaram duas doses ou receberam uma vacina de dose única.

Secretaria Especial de Comunicação