eventos lide
mulheres líderes

Cenário brasileiro pós-eleições é tema de seminário do LIDE Mulher

O LIDE Mulher, uma das frentes de atuação do LIDE – Grupo de Líderes Empresariais para colaborar com o desenvolvimento de mulheres em altos cargos de liderança, promoveu na terça-feira, 23 de outubro, em São Paulo, o Seminário Mulheres Líderes para discutir “O cenário brasileiro pós-eleições”. O encontro teve Celia Pompeia, vice-presidente executiva do Grupo Doria, na abertura, foi moderado por Nadir Moreno, presidente do LIDE Mulher e do grupo americano UPS no Brasil e contou com a participação de Maria-Laura Tarnow, presidente da companhia de cosméticos Estée Lauder no Brasil, e de Patrícia Ellen da Silva, presidente da OPTUM Brasil, empresa de tecnologia de serviços de saúde e inovação.

 

Maria-Laura destacou a importância do mercado brasileiro para a gigante Estée Lauder e ressaltou que a companhia tem objetivos e planos de longo prazo. “O Brasil é o quarto maior mercado de cosméticos do mundo e, independentemente da troca de governos, temos um setor enorme e com muita perspectiva de crescimento. Por isso, vamos continuar investindo no país”, afirmou.

 

Patrícia Ellen apresentou a sua perspectiva sobre o papel da liderança empresarial feminina no atual contexto político. Para ela, este é o momento de sair dos discursos polarizados e construir ações conjuntas, com foco no desenvolvimento brasileiro. “Ainda temos muito desafios. E sabemos que, para melhorar, precisamos de reformas estruturantes. Para isso, precisamos nos organizar para agir de forma pragmática e concreta, participando das discussões sobre essas reformas, que são apartidárias”, disse ao grupo de empresárias.

 

Além disso, a presidente da Optum convidou os presentes a participarem mais das discussões em temas essenciais para o desenvolvimento do país. “Precisamos combater a corrupção, ter uma população mais segura, apoiar as grandes reformas, investir em novas tecnologias. E agir pelo respeito à democracia, pelas políticas baseadas em evidência e pelo combate às desigualdades de oportunidades, com educação e saúde de qualidade para todos, combate à extrema pobreza e um modelo de transição para os empregos do século XXI. Para isso, temos que sair do discurso do “ou” e ir para o “e”. Ver o que nos une e não o que nos separa”, disse.

 

Nadir Moreno enfatizou a importância do encontro de lideranças empresariais femininas para discutir o atual cenário político. “Sabemos que os novos governantes terão um grande desafio para desenvolver o Brasil, que ainda precisa avançar em muitos setores. No LIDE, temos fomentado debates sobre tecnologia, inovação, educação, áreas importantes para o crescimento do país. Somos brasileiros, protagonistas e responsáveis pelo que acontecerá com o nosso país a partir da próxima semana”, finalizou.

 

Com patrocínio da YPÊ, o Seminário Mulheres Líderes conta com apoio do Espaço Copa by Vtex e Grupo Jereissati. São fornecedores oficiais CDN Comunicação, ECCAPLAN e MOVE TO GO. NOVA BRASIL FM, PRNEWSWIRE e RÁDIOS BAND são mídia partners.

CDN Comunicação Corporativa